Quer saber o que está acontecendo por aí? Receber promoções exclusivas? Deixe seu email.

domingo, 12 de junho de 2011

Bebê com babá

Olhe bem para a figura abaixo. Estude-a bem. E me diga: Você quer ser como a moça da foto? Como você pode ser uma super-mãe? Quais os requisitos, o que qualifica uma mulher como super-mãe? E o que a desqualifica?

Imagem aqui

O mundo vai tentar convencê-la de alguns conceitos. Por exemplo: mãe se realiza apenas por ser mãe. É possível amar e cuidar do seu filho sem abrir mão de nadinha. Cuidar da casa não dá trabalho; cuidar da família também não. Faça tudo sempre sorrindo pois você é feliz incondicionalmente.

Se você não tomar cuidado, enquanto tenta alcançar o modelo de mãe da imagem acima, você pode acabar assim:

Imagem aqui
Como tudo na vida, para se ter algumas coisas, é preciso trabalhar em equipe. Não acredite em tudo o que você ouve por aí. Sobre os exemplos que dei antes, seguem algumas adições:

mãe NÃO se realiza apenas por ser mãe.
É possível amar e cuidar do seu filho, MAS NÃO sem abrir mão de nadinha.
Cuidar da casa não dá POUCO trabalho; cuidar da família também não.
NÃO Faça tudo sempre sorrindo pois você é feliz incondicionalmente. PEÇA AJUDA...

A maternidade é maravilhosa! Eu sei disso por experiência. Mas há momentos em que nós nos afundamos na idéia de que precisamos dar conta de tudo com perfeição. Esse conceito com jeito de modernoso, mas com discurso antigo, nos aprisiona num ideal difícil de alcançar. E algumas mulheres deixam de viver seu momento maravilhoso com o baixinho porque estão presas a um ideal e se cobram. Ou precisam manter a casa como mantinham antes da maternidade. Ou precisam perseguir o sonho da carreira. Ou simplesmente precisam contribuir com o orçamento do lar, já que a vida está pela hora da morte!

E aí, não tem jeito. Nessa hora, você precisa decidir: pode colocar o bebê na creche, pode contar com a ajuda da sua mãe ou pode contratar uma babá. Cada escolha tem prós e contras, todos bem conhecidos por todas as mães. Vai que você está inclinada a escolher a babá...


Para mães como você, a psicóloga Solange Wertman desenvolveu o projeto Babá e Bebê. O objetivo da Solange é oferecer cursos de capacitação para as babás. Fazer a babá ser a sua representante, ser uma figura mais completa para cuidar daquele que você mais ama, por aquelas horas do dia. São vários módulos oferecidos, que incluem Ética e postura profissional, Desenvolvimento infantil, Hábitos alimentares, Limites, Primeiros socorros, entre outros.

Nas palavras da própria Solange, o Programa  visa a  integração da profissional babá ao núcleo familiar capacitando-a para o cuidado integral à criança de acordo com suas necessidades específicas. Para isso orientamos desde à postura e ética profissionais à prevenção de acidentes. E, além dos cuidados de higiene e rotinas, damos a ênfase ao desenvolvimento infantil e estimulação.

Para quem se interessar, basta procurar a Babás e Bebês:

             http://babaebebe.jimdo.com/
(21) 22667546 / 25272202 / 8072 2110  
Rua Barão de Lucena, 48 sala 13 Botafogo - Rio de Janeiro

Roberta.
baixomamae@gmail.com

Um comentário:

  1. Muito bom o post e a indicação!! Parabéns pelo blog e Solange pela iniciativa. Atualmente vemos tantas babás despreparadas que é imprescindível um curso de adequação principalmente se ministrado por uma psicóloga!
    Bjs e sucesso
    flavia, do http://gravidasolteira.blogspot.com/

    ResponderExcluir